Orçamento de 2015 tem primeira votação na Câmara

Comunidade poderá apresentar emendas à LOA antes da votação final no Legislativo

Após ser aprovado em primeiro turno durante a Sessão Ordinária ocorrida na última terça-feira, 2, o projeto de Lei Orçamentária para o exercício financeiro de 2015 (LOA), agora espera pelo recebimento de emendas, pelo interstício mínimo de dez (10) dias, na Comissão de Finanças e Orçamento da Casa.
A Lei que estima a receita e fixa as despesas do município para o ano subsequente, será ainda apreciada em uma Audiência Pública e deliberada em definitivo. O texto definitivo da proposta estima as despesas e receitas do município em R$ 744.444.073,87. Esse valor é cerca de R$ 140 milhões a menos que o aprovado para este ano de 2014, que foi de R$ 882.791.931,01. Em percentual, chega a ser pouco mais de 15% menor que do ano anterior. Em 2013, o Orçamento tinha sido de R$ 543.550.311,00 e para o ano seguinte houve acréscimo de 40%.
A Câmara agora marcará a data da Audiência Pública e da votação final. Somente mediante a matéria ter seu texto aprovado o Poder Legislativo Municipal poderá entrar em período de recesso