Reunião na Câmara define por novo projeto para federalizar a Estrada do Rio Preto

Vereadores dialogam com líderes comunitários e deputado federal sobre as demandas da maior estrada rural de Marabá

Na manhã desta segunda-feira, 15, um grupo de líderes comunitários da Estrada do Rio Preto esteve reunido com os vereadores Alecio Stringari e Miguel Gomes Filho, o Miguelito, e com o deputado federal Beto Salame, na Sala de Reuniões da Câmara Municipal de Marabá para discutir a federalização e o asfaltamento daquela rodovia, que tem mais de 260 quilômetros de extensão e liga Marabá ao município de São Félix do Xingu.

Ao se posicionar sobre o assunto, o deputado Beto Salame lembrou seu compromisso de buscar informações em Brasília sobre um projeto de federalização daquela estrada, que já tramitava no Ministério dos Transportes. Todavia, Beto explicou que é preciso iniciar um novo processo para solicitar a federalização que os mais de 50 mil moradores da região tanto almejam. Beto revelou que o projeto anterior caducou e que será necessário que ele apresente um novo requerimento. Para isso, pediu que a comunidade e as lideranças lhe apresentem informações precisas para serem destacadas na justificativa do projeto.

Beto Salame disse que as informações contidas no projeto de municipalização das vilas que fazem parte do complexo ao longo da estrada servirão como base para convencer o governo federal de que o fluxo de veículos e quantidade de famílias que vivem às margens daquela rodovia são bastantes representativos. “Temos de ter subsídios para apresentar em nosso requerimento, para fundamentar o pedido”.

Alécio Stringari garantiu que fará, junto com as lideranças da região do Rio Preto, o levantamento necessário sobre o potencial socioeconômico da região para anexar ao pedido do deputado, com informações sobre a quantidade da população afetada pela estrada, as potencialidades econômicas e o que já é produzido e consumido atualmente, além das necessidades sociais para atendimento da população e a quantidade de Projetos de Assentamentos situados no referido perímetro.