Escola do Legislativo lança 2ª edição da Turma do Camaradinha

Na manhã desta segunda-feira, dia 12 de dezembro, a Escola do Legislativo de Marabá (Elmar) reuniu representantes de vários segmentos da comunidade local para o lançamento da segunda edição da revista “Turma do Camaradinha”, elaborada no formato de gibi para facilitar a comunicação com crianças a partir da educação infantil.

Amanda Alves, estudante, falou da experiência de ler a revista Turma do Camaradinha. Disse que achou o livro muito importante por conter informações de como funciona uma Câmara. “Hoje em apenas um dia aprendemos bastante sobre política. Conhecemos o gabinete dos vereadores e plenário. Acho importante que todas as crianças possam ler e aprender com essa revista”.

Nathanael Marques e Bino Souza revelaram alguns detalhes e desafios de ilustrar a Turma do Camaradinha em uma plataforma digital, apesar de não conviverem no dia a dia no ambiente legislativo. “Mantivemos uma coerência junto com o roteiro. As ilustrações servem para esclarecer um pouco tudo que é escrito. Como é para um público infantil, as cores chamam a atenção das crianças e a construção de cada quadro promove uma ótima leitura”, disse Nathanael.

Bino lembrou que produziu, sozinho, a primeira edição da revista em 2016. “Com o avanço da tecnologia, pudemos trazer coisas novas para as crianças. Melhoramos os quadros, os planos, mesmo que o enredo seja parecido. A revista está bem acabada e bem definida esteticamente”, elogiou.

O jornalista Ulisses Pompeu, que ao lado de Gabriela Silva construiu o enredo e texto da revista, disse que o Departamento de Comunicação tem tido muito trabalho na gestão do Pedrinho Corrêa como presidente. “Vemos que ele tem muita sensibilidade para essas questões didáticas e de informação da Câmara à comunidade. Em relação ao enredo, buscamos a construção de uma história que inicia no dia a dia das crianças e chega ao ambiente legislativo”.

Gabriela Silva disse que quis fazer uma linguagem para atender o publico infantil e juvenil para trabalhar a temática legislativa na vida das crianças. Apresentou a inspiração desse ano do Camaradinha e destacou que a revista é parte desse programa da Elmar conhecido como “Visite a Câmara”, promovendo um tour pela Casa.

“Essa ideia de colocar crianças como protagonistas das ações é para que os jovens se importem com política. A Câmara tem papel relevante no fortalecimento da democracia”.

Ela agradeceu o presidente da Câmara pelo fortalecimento da Escola do Legislativo nos últimos seis anos, a quem considera um gestor comprometido com a educação cidadã. “Ele está em um cargo de chefia, mas com o coração voltado aos projetos. Também agradeço a todos os parceiros desse projeto, os quais representam instituições de relevância em nossa comunidade”, disse Gabriela.

O presidente Pedro Corrêa disse que os grandes desafios só são superados com grandes parcerias. Disse que quando é eleito, assume responsabilidade de ajudar a fazer gestão do município de Marabá. “Todos os nossos departamentos têm importância na administração desta cidade. A Elmar é referência, mas a Câmara também é exemplo de modernização. Deixamos de ser só uma Casa de Leis e passamos a ser uma casa de integração com a comunidade. Quando o trabalho é bem feito, ele tem uma dose alta de amor. É isso que acontece com a Escola do Legislativo de Marabá”.

O vereador Cabo Rodrigo destacou, também, o papel que a Escola do Legislativo tem na comunidade marabaense, impulsionando a educação, tanto em escolas públicas como as privadas. “O presidente Pedrinho Corrêa é um camarada que merecia continuar na presidência desta Casa de Leis. Em seis anos, ele manteve a Câmara equilibrada. Ele é político e técnico ao mesmo tempo. Ele tem capacidade de conduzir nosso Executivo municipal”.

A promotora Jane Cleide elogiou a Escola do Legislativo pelo trabalho relevante que faz com que a Câmara Municipal preste um serviço primoroso ao cidadão, tanto adultos como crianças. “A seleção dos personagens preserva os direitos e fortalece a diversidade”, disse ela.